domingo, 31 de julho de 2011

III ENDURO FOI SUCESSO EM MONSENHOR TABOSA



O município de Monsenhor Tabosa sediou com grande êxito a 4° etapa do campeonato cearense de enduro fim 2011, mantendo a tradição e continuando sendo  a prova mais técnica do nosso estado.

O dia amanheceu fechado com uma leve neblina, que anunciavam os desafios das horas seguintes para os quarenta e três pilotos que, como sempre, estavam em um clima de descontração total.

   Logo no inicio um Cross-teste muito pegajoso e lamacento, davam aos pilotos, indícios que o dia seria de desafios. Muitas quedas, leves atoladas e muitas resenhas, foram aplaudidas, ovacionada ou vaiadas pela população local, que tradicionalmente, valoriza o evento. Pena que há etapas que não vemos ou temos o mesmo calor humano...

O deslocamento do enduro Fim de monsenhor Tabosa tradicionalmente já é um diferencial. Nessa etapa, o piloto respira e relaxa apenas nos CHs. Muitas trilhas no deslocamento, algumas até com um nível exigente, somadas  poucos quilômetros estradas, a maioria lisas e descompensadas

   As especiais foram curtas. Apenas duas no total. Mas, não se engane quem não participou da etapa. Como diz o ditado: tamanho não é documento. Na primeira especial, três  pilotos  perguntaram-me o porque de não ter começado a especial mas cedo, logo que, antes do inicio, tinha uns 800 metros de trilhas.

   Na edição de 2010, o proprietário do terreno não gostou das motos passando “vuado” e pediu para diminuir a velocidade dos pilotos em suas terras. Então não pude iniciar a especial dentro do terreno dele. O ET1 teve como característica leves subidas lisas, que assustaram alguns pilotos logo na primeira volta. Engraçado que a categoria E3a e E3B foram unânimes e disseram que estava do (%.&#) e que se alguem reclamasse fosse andar no asfalto...rsrsrs

   O ET2 não tinha nem dois quilômetros de extensão, mas com muitos desafios traiçoeiros, que tiraram alguns pilotos do podium por “não respeitarem” a descida repleta de pedras com declive acentuado.

O inicio da entrega dos boletos ocorreu as 15:30.  A premiação só não saiu as 16:00 porque os pilotos não tinham voltado das pousadas.  Por incrível que pareça, vimos o resultado esperando os pilotos, e não os pilotos esperando os resultados... Parabéns Alfredo!!

   A festa de premiação começou as 16:30, premiando os campeões de suas respectivas categorias. Muita descontração e alegria tomaram conta dos pilotos. Coisas do Enduro Fim de Monsenhor Tabosa...
  Gostaria muito de agradecer a todos os pilotos que prestigiaram o evento, gerando uma alegria enorme a população e dando reconhecimento a equipe de organização. Seria muito injusto não citar os amigos de Tabuleiro, Aracati e Limoeiro, que viajaram centenas de quilômetros para prestigiar a nossa prova.  Aos amigos de Ipú e Nova Russas e Tamboril que marcaram presença. E pra finalizar os pilotos da nossa capital, que ainda são a espinha dorsal do enduro no Ceara.

 O III Enduro Fim de Monsenhor Tabosa é uma etapa diferente. Nela nem sempre os mais velozes ganham. É preciso um conjunto de fatores para subir ao lugar mais alto do podium. Vimos favoritos terem "má sorte"  e os mais consistentes levarem o titulo para casa.Entendam como foram as disputas e como ficou o TOP 5 dos melhores.

Categoria E1 – Na Importada Pró, Helaindo Onofre, pra variar, ganha mais uma etapa e tambem na geral. Em segundo com 00:01:43  a maisThiago Silveira  tambem imprimiu um excelente ritmo ficando na segunda posição na categoria e na geral. Em terceiro André Cunha teve alguns contratempos, mas conseguiu terminar a prova. O campeonato nessa categoria teve duas baixas: Robledo que vai fazer cirurgia na coluna e o campeão do enduro fim de Monsenhor Tabosa 2010 Antonio Jorge, que está com a mão enfaixada. Amigos, boa recuperação!!!

    Categoria E2 – Na Importada Light, Bruno Rafael consegue a segunda vitória do ano e entra na briga pelo título da categoria. Em segundo lugar 38 segundos a mais, Sandro Conci, continua consistente e regular, almejando o titulo da categoria. Desse jeito dificilmente não será campeão.  Em terceiro Krisnamurk Rolim pilotou num estilo conservador, mas competitivo. Na quarta posição Rodrigo Gondim andou na mesma balada do Krisnamurk, 5 segundos a mais. Parece que um estava rebocando o outro... rsrsrs.  Fechando a categoria ficou o nosso amigo Ciro Bezerra.

    Categoria E3-A – Na Over 35 Francisco Daniel Moraes travou uma batalha de detalhes com o segundo colocado o Francisco Deassis Oliveira. Eles aceleraram semelhantes, sendo separados por míseros 2 segundo. Diferença de mundial de enduro..rsrsrs. Atrás da briga dos Franciscos, Cidmar “Mineiro”, agora de CRF 230, ficou a 44 segundos atrás deles. Em quarto, Alexandre “motos” pilotou mais conservador e garantiu o podium. Fechando a categoria o meu amigo André Luis, curtiu muito a trilha e ainda conseguiu o podium. É isso ai!!!

    Categoria E3-B – Na Over 45: Sergio Luis Soares (padeiro para os íntimos..rsrsr) Consegue a primeira vitória no ano e logo “na prova”.. Parabéns. Em segundo Alfredo Miranda (Bode melado) andou muito, acelerou forte, mas esqueceu que era bode e foi querer ser logo o porquin..kkk Pregou no cross-teste e quase não sai!!! Em terceiro Álvaro Sanguesa que não compete Enduro Fim, mas veio prestigiar (obrigado) adicionou mais um troféu na sua imensa galeria. Fechando o podim Antônio Mauricio Medeiros(Tiazinha) teve muitos problemas, mas conseguiu somar pontos valiosos para continuar líder da categoria.

    Categoria E4 – Na nacional  Pró, Harley Rosa ganha o Enduro Fim de Monsenhor Tabosa pela 3° vez, nas categorias E4-2009, E2-2010 e  E4-2011. Parabéns. Em segundo Renato Gonçalo andou em outro ritmo, mas alcançou o topo do ranking da categoria. Em terceiro Alex Sandro de Itapagé com sua TTR-230, conseguiu um excelente resultado. José Irineu , depois de uma “pane” em sua moto no ET2, ficou apenas com a quarta colocação. Fechando o podium Antonio Rufino.

    Categoria E5-A – Na nacional Light, Tonny Debert de Tabuleiro (vugo Trouxa) andou em um terreno diferente da região dele, adaptando-se  rapidamente e conseguindo a sua segunda vitória no campeonato, entrando de vez na briga pelo titulo com o segundo colocado na etapa que é o Denisio Batista, que continua focado no titulo. Essa briga promete... Em terceiro lugar  o meu amigo e organizador do enduro do Limão Harley Araújo, conseguiu levar a sua “tiquinha” ao limite, conseguindo um lugarzinho no podium.  Fechando na quinta colocação Jose Otávio de Andrade.

    Categoria E5-B:
Na categoria regional, Bruno Farias do Ipú, foi a grande surpresa do enduro, andando na casa dos 26 minutos, que daria pra ser campeão em outras categorias. Na segunda posição Luiz Ocelio de Tamboril andou no mesmo ritmo do Neto Aragão do Ipú, ambos na casa dos 31 minutos. Na quarta posição, tambem do Ipú, Francisco Pereira de Aguiar. Fechando o podium da categoria Gledson Sousa Mesquita.

Resultado Completo: Enduro Fim de Monsenhor Tabosa

Top 5: 
Col. Piloto Cat. Tempo
Helâindo Onofre Jales E1 00:21:21.384
Thiago Silveira E1 00:23:04.454
Harley Rosa E4 00:23:42.640
Sandro Osmar Conci E2 00:26:29.480
Francisco Bruno Farias E5B 00:26:56.483


FONTE: cvracing.com.br



 

Nenhum comentário: